Trocando a válvula termostática

Introdução

A válvula termostática tem como função regular o fluxo de fluído de arrefecimento entre a parte superior do bloco do motor e o radiador. Desse modo o motor atinge a temperatura ideal de trabalho mais rapidamente, também possibilitando que essa temperatura seja mantida dentro de uma faixa de trabalho ideal durante o funcionamento do motor. A válvula termostática do motor 300 Tdi começa a abrir ou fechar quando a temperatura do fluído atinge os 88° C.

Remoção do válvula
  1. Drene parcialmente o fluído do sistema de arrefecimento;
    • Com uma mangueira drene o máximo possível de fluído do vaso de expansão para um galão limpo;
    • Abra o bujão existente no topo da válvula termostática e, se possível, remova mais fluído usando a mangueira;
    • Abra o bujão do radiador e drene mais fluído, até que o nível deste fique abaixo da mangueira que conecta o radiador ao alojamento da válvula termostática;
  2. Remova a mangueira que liga o alojamento ao radiador;
  3. Remova a mangueira fina que drena o ar do alojamento;
  4. Desconecte os plugues dos sensores de temperatura;
  5. Remova os dois parafusos 10 mm que fixam o conjunto;
Drenando parcialmente o fluído do sistema de arrefecimento
Desconecte esses plugues dos sensores de temperatura
Após soltar os parafusos, solte o conjunto da válvula termostática
Instalação da nova válvula
  1. Limpe as faces de contato do alojamento;
  2. Instale a nova válvula termostática no lugar, observando a posição do furo de ventilação que deve ser mantido para cima;
  3. Aplique um pouquinho de graxa de cobre nos parafusos, recolocando-os com torque de 25 Nm;
  4. Reconecte os plugues dos sensores de temperatura;
  5. Recoloque a mangueira fina;
  6. Recoloque a mangueira até o radiador;
  7. Complete o fluído do sistema de arrefecimento;
    • Sem recolocar os bujões da termostática e do radiador, coloque aos poucos fluído de arrefecimento no vaso de expansão, observando o nível através do dreno do radiador;
    • Quando o fluído completar o radiador, pare de colocar fluído no vaso de expansão e instale o bujão de dreno no radiador;
    • Volte a colocar fluído pelo vaso de expansão, até o fluído complete o nível no alojamento da válvula termostática, só então recoloque o bujão;
    • Complete o fluído até a marca existente no vaso de expansão.
  8. Monitore qualquer vazamento de fluído do sistema nos dias subsequentes ao serviço.
Após remover a válvula, note a oxidação nas faces de contato…
Com uma lixa fininha removi toda oxidação
Este “rebite” deve ficar para cima ao se colocar a válvula no lugar
Válvula em posição
Uma leve camada de graxa de cobre nos parafusos nunca fez mal a ninguém… 🙂