Limpando a tampa do tanque de combustível

Na minha Defender era recorrente, ao abrir a tampa do tanque de combustível, um barulho de ar sendo sugado, indicando que havia um pouco de vácuo dentro do tanque. Essa pressão negativa se forma quando o respiro do tanque de combustível está sujo/entupido, reduzindo o ingresso de ar exterior dentro do tanque para compensar o volume de combustível que foi consumido pelo motor durante seu funcionamento.

No meu caso o vácuo formado não era grande, e só ocorria ao abrir a tampa do tanque logo após desligar o motor. Contudo há casos em que o vácuo formado no tanque pode reduzir o fluxo de combustível para o motor, prejudicando seu desempenho. 

A minha defender 110, ano 2002, possui um respiro do tanque na caixa de roda traseira do lado do motorista e outro na tampa do tanque de combustível. O respiro da caixa de roda eu limpei há poucos anos, mas somente até a válvula de segurança. Dessa forma restava olhar como estava a tampa do tanque…

Tampa do tanque com uma grossa camada interna de sujeira, resultado de anos de uso.
Sujeira em todo entorno da parte interna e na base da tampa, junto a vedação de borracha.
Comecei removendo o anel de vedação e fazendo a remoção da sujeira mais grosseira
Depois de remover o máximo de sujeira possível, tentei remover o anel metálico que fixa todo o conjunto, mas não consegui mesmo depois de muitas tentativas (tomando muito cuidado para não forçar e quebrar a tampa). Sem resultados positivos, resolvi mergulhar a tampa em água quente para deixar o plástico mais flexível para, quem sabe, conseguir remover o anel interno.
Deu certo! Mas mesmo com a tampa mais flexível, exigiu um bocado de tentativas cuidadosas para não quebrar nada.
Começando a desmontar…
Removi até mesmo o miolo da chave, que recebeu uma caprichada limpeza com desengraxante seguida de lubrificação
Todas as parte que compõem o mecanismo da tampa em ordem, depois de meticulosamente limpas, e prontas para remontar
Recolocando o anel do miolo da chave
Depois o miolo da chave
Depois esse anel, cuidando para posicionar as travas nos rebaixos da tampa
desse modo
Depois essa peça, novamente cuidando para manter as travas nos rebaixos da tampa
Desse modo
Depois vem essa tampinha
Desse modo
Quase terminando, vem esse fino anel que vai na base da tampa
Por fim, se recoloca o copo interno da tampa. Nesse ponto é possível testar se todo o mecanismo de trava está funcionando corretamente, pois ainda é fácil desmontar tudo caso haja algum problema.
Com tudo OK, hora de recolocar o anel de metal que trava tudo no lugar
Para essa etapa descobri que o soquete da porca do cubo de roda da Defender serve perfeitamente para a tarefa de recolocar o anel no lugar
Anel devidamente em posição, tudo OK
Trabalho pronto!
Foto da ferramenta que usei para extrair o anel de trava depois de deixar a tampa imersa na água quente. Esse chave faz parte de um kit de ferramentas elétricas que comprei há tempos, mas uma chave de fenda fininha também serve…

Caso o problema de vácuo no tanque persista, vou remover e inspecionar com o devido cuidado o respiro e válvula de segurança que existe na caixa de roda traseira.