Melhorias na Bomba de Vácuo

Renomadas pelo seu design ruim, má construção e questionável durabilidade, muitos proprietários já desistiram da bomba de vácuo original do motor 300 Tdi e partiram para a adaptação do hidrobooster da Ford F-250 no sistema de freio da Defender. Contudo, para aqueles que ainda não desistiram, há maneiras para tentar melhorar um pouco a construção e confiabilidade dessa peça, que veremos abaixo. Continue lendo “Melhorias na Bomba de Vácuo”

Trocando o rolamento da polia do esticador da correia Poly-V

O esticador da correia Poly-V tem a função de manter sob tensão a própria correia, permitindo que esta transfira energia do motor (através da polia do virabrequim) para os equipamentos periféricos do motor: alternador, bomba d’água, bomba da direção hidráulica e acoplamento viscoso da hélice do radiador. O esticador nada mais é do que um pequeno braço articulado com uma polia em uma extremidade e um parafuso de fixação na outra.
Continue lendo “Trocando o rolamento da polia do esticador da correia Poly-V”

Troca da bomba d’água e outras melhorias…

A troca da bomba d’água no motor 300 Tdi é um procedimento bastante simples, sendo geralmente realizado após problemas no sistema de arrefecimento e/ou vazamentos de fluído através da própria bomba. Alguns poucos fazem a troca preventivamente, sendo o limite de 120.000 km o recomendado no “Manual Quebra Galho – MQG”, embora o tempo médio entre falhas (MTBF) seja de 80.000 km. Cabe salientar que o MTBF é feito por Landeiros, usando as mais variadas peças (primeira, segunda e até terceira linha), o que afeta diretamente a média entre falhas, portanto use seu bom senso aqui… Continue lendo “Troca da bomba d’água e outras melhorias…”

Proteção da mangueira do arrefecimento sobre a polia da bomba d’água.

Introdução

Este é um procedimento extremamente simples, rápido e barato, mas que pode salvar seu motor 300 Tdi de perder o fluído de arrefecimento. Se isso ocorrer, são grandes as chances de queimar a junta do motor, empenar o cabeçote e por aí vai… Existem outros pontos críticos no 300 Tdi, sobre os quais criaremos outros tópicos no futuro. Continue lendo “Proteção da mangueira do arrefecimento sobre a polia da bomba d’água.”

Troca da correia dentada – 300 Tdi

Introdução

A troca da correia dentada no 300 Tdi é um procedimento trabalhoso, mas sem grandes complicações, que deve ser feito entre 50.000 e 100.000 km para regimes de uso severo e normal. O serviço deve incluir, além da própria correia, a troca do conjunto esticador e da polia dentada inferior. É recomendável que os retentores do virabrequim (interno e externo, este último localizado na tampa da caixa da correia) e do eixo de excêntricos também sejam trocados. Todas as peças utilizadas são de primeira linha, algumas sendo de qualidade superior ao padrão, como a correia dentada do motor powerstroke 2.8 (código R7003706C1), que é bem mais durável (e cara) do que a do motor 2.5 (300 Tdi). O prisioneiro que sustenta o esticador também foi trocado por um novo, em aço 12.9, feito sob medida por um torneiro mecânico. Continue lendo “Troca da correia dentada – 300 Tdi”